domingo, novembro 17, 2013

GDF vence U. Banheirense (2-1)

O GD Fabril venceu, esta tarde, o União Banheirense (2-1) no Estádio Alfredo da Silva. Talvez no jogo menos conseguido da equipa fabril, o golo da vitória surgiu nos últimos minutos.
O GDF dominou durante toda a primeira parte o encontro, não deixando os visitantes chegarem sequer perto da baliza de Bonifácio. O domínio do GDF acabou por ser traduzido em golo aos 21 minutos. Joel de livre direto deu a justa vantagem ao GD Fabril
No segundo tempo a equipa comandada por Manuel Correia não esteve bem e mostrou-se algo desconcentrada.  Os visitantes cresceram na partida, mas só criaram verdadeiro perigo aos 61 minutos. O primeiro remate à baliza de Bonifácio, digno desse nome, deu em golo. 
A equipa fabril ao perder a vantagem voltou a crescer, mas o jogo ficou dividido. No entanto, e depois de Manuel Correia ter arriscado tudo, Mário Loja fez o 2-1 após um pontapé de canto batido por Joel. De cabeça o experiente defesa deu nova vantagem ao GDF, aos 87 minutos.
Nos instantes finais Bonifácio com uma defesa espectacular evitou o empate.
Com esta vitória o GDF continua na liderança do campeonato na companhia do U. Santiago, agora com 12 pontos. No entanto a equipa fabril tem menos uma partida realizada.

1 comentário:

  1. Concordo com esta análise feita ao encontro , sem jogar bem ficam os 3 pontos que é o mais importante.
    Gostaria e fazer um reparo que me parece bem pertinente. Gostaria de saber porque razão a bancada central está aberta a todos, inclusive adeptos da equipa adversária? Não tendo nada contra o apoio dos visitantes julgo que seria mais correcto a central ficar reservada a sócios e simpatizantes do clube (acompanhados por sócios). Quando jogamos fora de casa não tenho acesso à central e penso que assim é que está correcto. Bem haja e VIVA O GDF!

    ResponderEliminar

Espaço para uso APENAS de adeptos do GD Fabril. Aqui não há lugar para 'antis'. O vosso lugar é em outros endereços.

Não se esqueça que para ser respeitado terá de respeitar primeiro. Este espaço respeita-o, faça o mesmo.

Qualquer comentário poderá ser apagado sem qualquer tipo de aviso prévio.
Não seja anónimo, identifique-se.